Vejo essa mudança como uma pequena evolução. Quase uma jogada cantada. Há, porém, um aprendizado para tirar desse projeto realizado pela Lippincott.

Sempre falo para meus clientes, principalmente os q estão no início do negócio: as pessoas não sabem quem você é e o q faz, por isso não reconhecerão seu símbolo sem um nome e sem um decodificador impressos juntos – não haverá uma associação, tão necessária para percepção futura. E acho q é justamente nesse momento q a Starbucks está: ela já pode retirar o nome e o decodificador. Seu símbolo e suas cores (q aparentemente ganhou um tom mais contemporâneo) já são suficientes para criar uma associação visual na mente das pessoas.

Essa é minha visão. Mas pode ser q a empresa só fez isso pra comemorar os 40 anos.

Vale ver o vídeo.

Via BrandNew.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...