A secular fabricante de automóveis faz uma evolução em sua marca. Sutil, é verdade, mas considerando sua longevidade e importância é um grande movimento.

O projeto, realizado pela francesa BETC Design, faz somente uma releitura mais contemporânea do característico leão, tirando a língua (meio medieval) e simplificando os traços. A grande mudança aparece na tipografia. E nesse elemento eu, particularmente, acho q acertaram em cheio. Principalmente pela aposta na assimetria e nos cantos arredondados. Utilizaram uma letra com formas mais proprietárias e com mais arejamento entre as letras, alinhada à usada na marca Citroën (empresa que faz parte do mesmo grupo). As curvas deixaram-nas mais próximas, apesar de ainda em caixa alta. A cor azul ficou mais escuro, mais sóbria.

peugeot_id_manual

Mais importante q tudo isso, na minha opinião, é a adoção da assinatura “Motion and Emotion” (vale a visita para entender melhor) juntamente com a marca. Esse conceito de mobilidade e emoção (não rima em português) é bem forte. Talvez a francesa tenha sido a empresa do setor automobilístico a conseguir trazer algo tão interessante para seu negócio, sua marca e sua comunicação ultimamente.

Produziram um vídeo sobre da nova marca. Meio “Hans Donner”, mas interessante de ver.

Tudo isso já em campanha publicitária, como vt abaixo:

Bônus: vídeo de 150 anos de evolução da marca

Via Brand New.

[UPDATE: 18/01/2010, 15h14 – imagem via Comunicadores]

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...